Paciente de 67 anos com histórico de HAS mal controlada, DM e depressão, em tratamento com enalapril, metformina, hidroclorotizida, sulpirida e nortriptilina. Em exames laboratoriais de rotina apresenta: perfil de lipídeos alterado: CT: 254; HDL: 36; LDL 96; VLDL sem resultado informado; triglicérides: 652. Como iniciar o tratamento? O mais apropriado seria iniciar estatinas, visando prevenção primaria, ou iniciar com fibratos?

Profissional Solicitante: Médico generalista Resposta: Prezada colega, o passo a passo do tratamento da hipertrigliceridemia é iniciado pela estratificação de risco cardíaco do paciente em questão. O risco cardíaco orienta a rapidez com que o tratamento é instituído e quais alvos estabelecer para colesterol que não seja de lipoproteína de alta densidade. As diretrizes do […]