Dúvida com relação a sífilis. Paciente gestante fez exame de sorologia para sífilis em 06/12/16 e o resultado foi VDRL: 1/128 e TPHA: Reagente . Fez o tratamento concomitantemente com o parceiro em 04/1/17; 11/01/17; 18/01/17 com benzetacil 2.400.000 A dúvida é: após o tratamento, em quanto tempo deve ser realizado um novo exame?
Dúvida com relação a sífilis.  Paciente gestante fez exame de sorologia para sífilis em 06/12/16 e o resultado foi VDRL: 1/128 e TPHA: Reagente . Fez o tratamento concomitantemente com o parceiro em 04/1/17; 11/01/17; 18/01/17 com benzetacil 2.400.000  A dúvida é: após o tratamento, em quanto tempo deve ser realizado um novo exame?

Categoria profissional do solicitante: Enfermeiro

 

Resposta:

 

Após o tratamento adequado, a sorologia deve ser solicitada mensalmente para acompanhar a queda de títulos de VDRL . No caso do município de São Paulo, os laboratórios utilizam o algoritmo alternativo, ou seja, primeiro é feito o exame treponêmico que persistirá positivo mesmo após tratamento, e consequentemente será feito o não treponêmico (VDRL), com a titulação respectiva.
– Os testes não treponêmicos (VDRL) devem ser realizados mensalmente para controle de cura.
– Nos casos de sífilis primária e secundária, os títulos devem declinar em torno de quatro vezes em três meses e oito vezes em seis meses.
– Se os títulos se mantiverem baixos e estáveis em duas oportunidades, após um ano, pode ser dada alta.

 

 

Referência:

 

Brasil. Ministério da Saúde. Protocolos da Atenção Básica: Saúde das Mulheres / Ministério da Saúde, Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa – Brasília: Ministério da Saúde, 2016. Disponível em: http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/publicacoes/protocolo_saude_mulher.pdf